A Rússia precisa da Novorossiya 

A Rússia precisa da Novorossiya 

Tradução Guilherme Fernandes

Por Nicholas Nicholaides

A Rússia precisa de Novorossiya e Malorossiya – pelo menos a parte de Malorossiya que fica a leste do rio Dnepr. Essas partes não são “ucranianas”, nunca foram e nunca serão! Estas partes são genuinamente russas como Moscou ou St. Peterburg, mas por causa de um erro histórico – o rompimento da União Soviética em vez da modernização dela – estas partes estão agora fora da mãe Rússia. Isso não seria uma catástrofe se essas terras fizessem parte de uma “Ucrânia” democrática, pró-russa ou se fossem um país pró-russo como a Bielorrússia ou o Cazaquistão. Então eles ainda fariam parte do mundo russo com laços muito próximos com a Pátria. Mas agora essas terras são ocupadas por uma junta nazista em Kiev, colocada lá pelos EUA após um golpe armado contra o governo legal e o presidente Yanukovich!
Estas terras russas estão agora repletas de mercenários americanos, poloneses, bálticos e outros esticados que estão reprimindo os russos e ucranianos “anti-junta” e matando qualquer um que proteste abertamente! A pior parte é que a Rússia perdeu várias oportunidades legais para corrigir isso: logo após o golpe, a Rússia tinha todo o direito de reafirmar o presidente legal e seu governo que foram reconhecidos internacionalmente.

Quando a junta nazista de Kiev começou a matar as pessoas em Novorossiya e Donbass e depois do massacre de Odessa, novamente a Rússia teve o direito de intervir e parar o genocídio.

E enquanto as mortes continuarem e a junta nazista de Kiev não cumprir o acordo de Minsk 2, a Rússia ainda tem o direito de intervir e libertar toda a Novorossiya de Charkov para Odessa e Malorossiya também. Dessa forma, ao chegar a Odessa, a Rússia também salvaria a Transniestria, que é outra região russa sitiada pela junta nazista de Kiev e pela Moldávia. A Rússia não pode permitir que essas terras sejam forçadas à OTAN e cheias de mísseis americanos destinados a Moscou e outras cidades russas! Mas isso é o que pode acontecer se a Rússia não agir logo!

Em vez de libertar Novorossiya, ou ajudar o Exército de Novorossiya a fazer a parte principal do trabalho, a Rússia ajudou a salvar a Síria. Agora, isso é claro bom, mas a Rússia deve fazer em Novorossiya o que ela fez na Síria: ajudar a maioria do povo e o governo legal a depor os terroristas – neste caso a junta nazista de Kiev! Felizmente, a guerra na Síria entrou em seus estágios finais para que possamos esperar ver uma posição russa mais ativa contra o regime ilegal em Kiev! Este não é um “problema interno ucraniano” – é um problema russo porque as vítimas da junta nazista ilegal de Kiev são russos étnicos e ucranianos anti-nazistas de língua russa. Qualquer um que não veja este fato é um tolo ou um traidor.

De qualquer forma, a “fronteira” entre a Rússia e a antiga “Ucrânia” não foi ratificada pela Rússia após o rompimento do CCCP para que, na realidade, a “Ucrânia” não tenha fronteiras reais estabelecidas e ratificadas com a Rússia! Este é um fato que deve ser usado para depor o regime nazista de Kiev e tornar toda a antiga “Ucrânia” democrática, federada e pró-russa ou para libertar as partes que ainda não estão infectadas pelos nazistas, o que significa Novorossiya e todas as terras a leste do rio Dnepr. Quando estas terras estiverem livres dos nazistas, então não haverá mísseis americanos lá visando Moscou e nenhum navio da marinha americana no porto de Odessa.

O futuro da Rússia como um estado independente e líder mundial em um mundo multipolar será determinado em Novorossiya.

A batalha por Novorossiya (e malorossiya oriental) será determinada no Kreml. Assim que os líderes russos decidirem libertar Novorossiya será assim – e muito mais rápido do que a libertação da Síria. Separar a economia russa do dólar, iniciar um cartão bancário russo, substituir o SWIFT e introduzir um rublo à base de ouro (não interexchangeable) são os primeiros passos nesse caminho – mas eles têm que ser seguidos por mais passos, agora!

Fonte: A Rússia precisa de Novorossiya | Geopolitica.RU (geopolitika.ru)

Guilherme Fernandes

Guilherme Fernandes

Membro da Resistência Sulista e Dono do blog Tierra Australes. Também um ativista ferrenho pela reunificação do Uruguai e do Rio Grande do Sul como uma só pátria sob o estandarte de José Artigas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.